Uma delegação da acção Em Chamas foi entregar ao ministro Pedro Nuno Santos as oito reivindicações da acção convocada para o dia 22 de Maio às 16h no Aeroporto, reforçando a sua determinação em agir pelo nosso futuro colectivo e, no objecto desta ação, em construir o decrescimento sustentado da aviação, uma transição justa e um aumento da ferrovia.

186090383_132059012312452_4449399340497560515_n 185393782_132059032312450_5931997607426511167_n 186107391_132058412312512_6341724518941666020_n

As activistas foram recebidas pelo adjunto do ministro a quem as reivindicações foram entregues.

O ministério foi também informado de que, segundo o consenso da ação , a mesma poderá ser desconvocada se pelo menos metade das reivindicações de cada pilar forem aceites através de compromissos escritos oficiais.

Menos-avi%C3%B5es-v2 Transi%C3%A7%C3%A3o-justa-v1-corr Mais-ferrovia